Lyo Solutions | Cloud
8137
page-template-default,page,page-id-8137,woocommerce-no-js,ajax_fade,page_not_loaded,smooth_scroll,,qode-theme-ver-3.8,wpb-js-composer js-comp-ver-5.6,vc_responsive

Cloud Computing : Os Principais Motivos e Benefícios de Migrar Para a Nuvem
Para se manter atualizado, o seu negócio precisa contar com a tecnologia computacional mais moderna do mundo

O que é cloud computing ?

Cloud computing​, expressão que pode ser traduzida literalmente do inglês para computação em nuvem, é a tecnologia que permite utilização de sistemas de armazenamento externos e compartilhados pela Internet. A aplicação dessa tecnologia permite o acesso dos dados de qualquer lugar do mundo, sem que seja necessária a armazenagem em servidores físicos do conteúdo. É possível gerenciar, editar e visualizar documentos e arquivos nos mais diversos dispositivos,​ ​como​ ​computadores,​ ​celulares​ ​e​ ​​tablets​.

A computação em nuvem permite o acesso a um processo de armazenamento mais moderno e prático por um custo menor de aplicação e manutenção do que servidores físicos. Além disso, os usuários ficam livres para utilizar a tecnologia otimizando os ​backups ​e redundância de dados, pois tudo isso está incluso nas soluções dos maiores provedores do mundo. Sistemas de computação em nuvem são baseados em ambientes confiáveis e seguros, com implantação​ ​de​ ​baixo​ ​custo​ ​e​ ​inicialização​ ​simples.

A tecnologia começou a ser explorada em 1999, mas só na última década é que ganhou força, com provedores de serviços especializados, como a Amazon e a Oracle. A aquisição de soluções em ​cloud computing de armazenagem de dados, sistemas e ​e-mails deve ser feita com cuidado, e a Lyo oferece uma consultoria completa, indicando sempre o produto que​ ​melhor​ ​se​ ​encaixa​ ​a​ ​sua​ ​necessidade​ ​e​ ​à​ ​capacidade​ ​de​ ​investimento.

Quais são as modalidades de computação em nuvem?

A tecnologia de computação em nuvem é dividida em três categorias: a pública, a privada e a híbrida.

Nuvem pública: ​São serviços disponibilizados a qualquer pessoa ou instituição. Nesta modalidade, o cliente fica responsável por determinar o que será carregado para a nuvem. O usuário pode determinar o nível de compartilhamento, as possibilidades de edição e o período de acesso a qualquer conteúdo que possua. O provedor fica responsável pela manutenção​ ​e​ ​segurança​ ​dos​ ​dados.

Nuvem privada: ​Neste caso, a infraestrutura de ​cloud computing é mantida pela própria instituição, que dará acesso restrito aos usuários de julgar necessário, como funcionários e parceiros. É mais comum em instituições de grande porte e que precisam manter uma proteção​ ​de​ ​dados​ ​de​ ​nível​ ​altíssimo,​ ​como​ ​organizações​ ​financeiras​ ​e/ou​ ​públicas.

Nuvem híbrida: ​Naturalmente, a utilização da nuvem híbrida é quando os dois modelos operam simultaneamente em um mesmo ambiente. Um exemplo muito comum é uma instituição que possui um sistema de nuvem privada, mas opta por fazer o ​backup das informações​ ​em​ ​uma​ ​nuvem​ ​pública.

As modalidades de computação em nuvem são bastante similares, e sua diferenciação ocorre,​ ​basicamente,​ ​pelo​ ​ambiente​ ​e​ ​responsabilidade​ ​da​ ​estrutura.

Quais são os serviços mais comuns de cloud computing ?

Os serviços mais comuns na comercialização da tecnologia de computação em nuvem são: IaaS (Infraestrutura como Serviço), PaaS (Plataforma como Serviço) e SaaS (​Software como Serviço).

IaaS (Infraestrutura como Serviço): Neste serviço, os itens de consumo se baseiam em infraestrutura, como servidores. É muito útil para atender necessidades pontuais de armazenamento.

PaaS (Plataforma como Serviço): Esta solução inclui um ambiente completo, com a engenharia,​ ​a​ ​implantação​ ​e​ ​o​ ​gerenciamento​ ​de​ ​aplicações.

SaaS (S​oftware como Serviço): É, na verdade, o tipo mais comum de fornecimento de ​cloud computing​. Consiste na contratação da aplicação, em que o usuário é responsável pelos recursos. Fica a cargo do provedor a infraestrutura, segurança e suporte da solução. Seus usos​ ​mais​ ​típicos​ ​são​ ​nos​ ​serviços​ ​de​ ​e-mail​ ​e​ ​nos​ ​sistemas​ ​de​ ​gestão.

Existem ainda outros tipos de computação em nuvem, como: DaaS (Desenvolvimento como Serviço); CaaS (Comunicação como Serviço); EaaS (Tudo como Serviço); DBaaS (Banco de Dados como Serviço); SECaaS (Segurança como Serviço). Em muitas ocasiões, essas modalidades podem estar agrupadas em uma única solução, que atenda a demandas diversas​ ​de​ ​um​ ​mesmo​ ​negócio.

Quais são os benefícios de migrar para a tecnologia cloud ?

A aplicação de ​cloud computing facilita bastante o dia-a-dia de qualquer negócio. Entre suas grandes vantagens, estão a economia, a flexibilidade, a portabilidade, a sustentabilidade, e a otimização dos recursos de TI. São facilidades que podem ser enxergadas com facilidade em qualquer setor de uma empresa, tanto na resultado do time, quanto no rendimento de sistemas.

Investir na computação em nuvem proporciona resultados consideráveis, reduzindo o TCO (Custo Total de Propriedade) e aumento do ROI (Retorno Sobre Investimento). Sua utilização possibilita a economia nos gastos com serviços de suportes técnicos e servidores físicos. Além disso, a praticidade de acesso aos dados permite o aumento considerável de produção da equipe, que será mais ágil e integrada.

As soluções de cloud computing também são muito flexíveis, já que é possível alternar as dimensões do serviço contratado. É ótimo para negócios em expansão, que podem aumentar sua capacidade em pouco tempo e com um investimento muito menor. É o que chamamos de escalabilidade da operação.

Para as empresas com negócios sazonais, é possível alternar a demanda com facilidade, adequando tudo aos períodos de pico da atividade. Com as soluções de computação em nuvem, você paga apenas pelo que utiliza.

A economia de espaço e energia também é notável após a implantação de soluções de cloud computing. Trabalhando em nuvem, a preocupação com dispositivos físicos é reduzida, e com isso são liberados espaços preciosos na sua estrutura física, além de uma economia sensível na conta de energia.

Com todos os arquivos, e-mails e sistema de gestão da empresas armazenados em nuvem, o ganho em portabilidade aumenta muito. Qualquer usuário pode acessar os dados de qualquer lugar, o que diminui o custo com memórias externas, servidores físicos e outros acessórios. Isso também permite com que as equipes comerciais e de atendimento externo tenham acesso a tudo a partir de seus celulares e computadores em reuniões com clientes ou durante atendimentos in loco.

Também é notável a otimização dos recursos de tecnologia da informação. A demanda de infraestrutura é reduzida consideravelmente, o que possibilita o trabalho com equipes de TI mais enxutas. O investimento em licenças de softwares é consideravelmente reduzido, além da isenção de atualizações e pausas técnicas com a mesma frequência que uma estrutura física demanda.

Quando migrar para uma solução em cloud ?

Atualmente, 95% das empresas já utilizam algum tipo de serviço de ​cloud computing​, segundo uma pesquisa da RightScale. Isso mostra que para acompanhar a modernização de qualquer mercado, é imprescindível que o investimento em ​cloud computing seja considerado.

A aplicação de uma infraestrutura de TI mais eficiente deve ser o objetivo de qualquer negócio. Pensando sob esse aspecto, a computação em nuvem é protagonista, pois é uma forma​ ​simples​ ​e​ ​eficaz​ ​de​ ​rodar​ ​serviços​ ​com​ ​alta​ ​performance,​ ​agilidade​ ​e​ ​flexibilidade.

O melhor momento para migrar dos sistemas de armazenamento físico para a computação em nuvem é exatamente quando são identificadas as necessidades de novos recursos de TI. Se os servidores e/ou os sistemas de gerenciamento de um negócio precisam ser substituídos, é uma ótima hora para considerar a migração para ​cloud computing​. Os gastos com sistemas defasados tendem a aumentar com a expansão da empresa, principalmente se isso não ocorrer de forma programada. Daí a necessidade de partir para uma tecnologia moderna​ ​e​ ​funcional​ ​como​ ​a​ ​nuvem.

No processo de transição para um novo sistema de gestão empresarial (ERP), é essencial analisar se o provedor a armazenagem de dados em nuvem, o que garantirá a estabilidade e uma segurança muito maior para as informações inseridas no sistema. ​Falando nisso, confira aqui​ ​o​ ​nosso​ ​Manual​ ​Definitivo​ ​de​ ​Sistemas​ ​de​ ​ERP

A migração de ​Data Centers, ​serviços de gerenciamento e ​provedores de e-mails requer muita atenção para evitar prejuízos catastróficos com a escolha de soluções inadequadas. São diversos fatores e cenários que precisam ser levados em consideração, e por isso você precisa contar com a ajuda de especialistas no assunto. Conte com a equipe da Lyo para identificar a sua demanda e indicar a melhor solução em ​cloud computing para o seu negócio.

Como a Lyo pode me ajudar?

A​ ​Lyo​ ​atua​ ​no​ ​fornecimento​ ​de​ ​soluções​ ​e​ ​serviços​ ​de​ ​tecnologia​ ​da​ ​informação​ ​há​ ​mais de​ ​10​ ​anos.​ ​​​Contamos​ ​com​ ​um​ ​time​ ​inteiramente​ ​apto​ ​a​ ​analisar​ ​o​ ​seu​ ​caso​ ​em​ ​específico e​ ​apresentar​ ​a​ ​melhor​ ​solução​ ​de​ ​cloud​ ​computing​ ​para​ ​o​ ​seu​ ​negócio.

Nosso​ ​principal​ ​foco​ ​é​ ​o​ ​oferecimento​ ​das​ ​opções​ ​com​ ​o​ ​melhor​ ​custo-benefício​ ​e​ ​menor prazo​ ​de​ ​implantação​ ​do​ ​mercado,​ ​independente​ ​da​ ​necessidade​ ​tecnológica​ ​ou​ ​de modalidade​ ​de​ ​computação​ ​em​ ​nuvem.

Independentemente​ ​da​ ​demanda,​ ​da​ ​modalidade​ ​de​ ​​cloud​ ​computing​ ​necessária​ ​e​ ​do porte​ ​do​ ​seu​ ​negócio,​ ​a​ ​Lyo​ ​tem​ ​uma​ ​solução​ ​com​ ​um​ ​excelente​ ​custo-benefício.

Nós​ ​estamos​ ​atentos​ ​ao​ ​que​ ​há​ ​de​ ​mais​ ​moderno​ ​para​ ​apresentar​ ​aos​ ​nossos​ ​clientes,​ ​e por​ ​isso​ ​temos​ ​um​ ​mix​ ​de​ ​soluções​ ​disponível​ ​para​ ​empresas​ ​e​ ​operações​ ​de​ ​todos​ ​os portes.​ ​Para​ ​saber​ ​mais​ ​sobre​ ​como​ ​você​ ​pode​ ​aumentar​ ​os​ ​ganhos​ ​tecnológicos​ ​do​ ​seu negócio,​ ​leia​ ​nossos​ ​outros​ ​artigos​ ​exclusivos: